ROBÓTICA COLABORATIVA

Versáteis, os robôs colaborativos são capazes de realizar diversos tipos de trabalho em conjunto com os humanos. Sua principal característica é tornar o trabalho mais dinâmico e preciso, deixando as tarefas repetitivas longes dos braços humanos. Além de aumentar a produtividade e, assim, diminuir os custos da empresa, a aplicação de robôs colaborativos, protege o trabalhador de lesões causadas por movimentos repetitivos ou ambientes insalubres.

Os cobots, como são comumente chamados, possuem inúmeras aplicações na indústria, vai da montagem até a inspeção de peças. Isto porque os braços possuem seis articulações, com liberdade de movimento de 360° mais, ou, menos, e capacidade de carga para até 10kg, com suas diferentes garras que acopladas à flange, conseguem realizar o trabalha designado para o mesmo.

As principais vantagens dos robôs colaborativos, a qual já foi muito elogiada por quem tem contato com o produto, é a programação simplificada e intuitiva 3D, através é possível “ensinar” os pontos de rota ao robô, dispensando a necessidade de um técnico, ou até mesmo de um engenheiro, tornando o trabalho mais independente e menos custoso. Para fazer o robô se adaptar às necessidades da empresa, é preciso apenas de um treinamento básico com um especialista.

Como podemos ajudar você?

Entre em contato conosco no escritório mais próximo de você,  ou faça uma consulta online.

Principais funções

  • Montagem

À função de pick and place (pegar e posicionar), a montagem de peças trata-se de um processo extremamente mecânico e repetitivo. Por isso, seja para parafusar peças, apertar porcas ou mesmo soldar peças, a utilização de robôs colaborativos é algo cada vez mais comum.

  • Tarefas de precisão

Como a tecnologia vem avançado, a principal diferença dos robôs colaborativos, para os robôs tradicionais utilizados há tempos. Como já vem descrito no próprio nome dele, ele colabora com os humanos, usando o que lhe é programado e seu conhecimento prévio, aumentando assertividade de decisões. Por isso, já existem pilotos de avião usando-os como copilotos e até as equipes médicas vendo sendo auxiliadas por essa tecnologia, para realizar cirurgias com mais precisão.

  • Teste de produtos

A qualidade de um produto é diretamente proporcional à qualidade de testes aplicadas a ele durante os processos de fabricação. Sendo assim a utilização de um robô colaborativo é perfeita para esse tipo de aplicação, pois garante uma alta precisão dos testes, independente do dia, ou, da hora em que o produto é testado. Desta forma, a indústria gasta menos tempo com manutenção, além de aumentar consideravelmente o valor agregado ao produto.

  • Análise e inspeção

Utilizando os seus conhecimentos prévios, ele é capaz de encontrar inconformidades enquanto “observa” o produto. Claro que, para essa tarefa em especifico, a garra utilizada precisa de um sistema de visão capaz de inspecionar e apontar as peças defeituosas.

NOS CONSULTE PARA UM ORÇAMENTO!